Você pode pensar em pneus de bicicletas como um equipamento essencial, mas bastante simples. Eles são circulares, de borracha e feitos para aderir à estrada ou à trilha, certo? Bem, sim. Mas há um pouco mais a saber sobre o design dos pneus. Aqui, daremos a você a história completa sobre a tecnologia de pneus de bicicletas, incluindo coisas como resistência a furos, carcaça, talões e TPI (fios por polegada). Esteja você pedalando na estrada, trilha ou via, esse conhecimento o ajudará a fazer a escolha certa na hora de atualizar seus pneus com um conjunto de reposição.

Bike tire anatomy

1 Carcaça dos pneus para bicicletas

A carcaça é a base sobre a qual a banda de rodagem do pneu se assenta. Ela é construída a partir de vários fios firmemente entrelaçados. O padrão de medição para a qualidade de uma carcaça é seu TPI (fios por polegada) ou o número de fios contidos em uma polegada da carcaça do pneu.

2 Talão dos pneus de bicicletas

A borda do pneu que se encaixa no aro é chamada de talão do pneu. Existem dois tipos principais de talões, que são muitas vezes chamados de talões em fios de aço e talões dobráveis. Os talões em fios de aço são mais pesados e geralmente encontrados em pneus mais baratos. Os talões dobráveis, que são frequentemente feitos com fibras de aramida, são leves e muitas vezes encontrados em pneus de alto desempenho. A aramida é essencialmente um polímero sintético super resistente e durável.

3 Proteção contra furos

Alguns pneus de maior desempenho, especialmente pneus para bicicletas de estrada e de bicicletas híbridas, possuem proteção contra furos integrada. Essas "cintas antifuros", como são conhecidas, ajudam a proporcionar durabilidade adicional.

4 Banda de rodagem de pneus para bicicletas

A banda de rodagem é a parte do pneu que entra em contato com o solo. Algumas bandas de rodagem são projetadas para rodar em um sentido específico para oferecer maior eficiência, durabilidade, velocidade e tração. Se o pneu for direcional, a parede lateral conterá uma seta apontando para o sentido adequado da banda de rodagem. A banda de rodagem do pneu deve rodar para frente.

Tire technologies explained

O que é o TPI de um pneu e qual é a sua importância?

O padrão de medição para a qualidade de uma carcaça é seu TPI (fios por polegada) ou o número de fios contidos em uma polegada da carcaça do pneu. Quanto maior for o TPI, maior será o número de fios por polegada, o que torna o pneu mais leve, mais flexível e proporciona melhor sensação e desempenho na estrada ou nas trilhas. Por exemplo, um pneu com TPI maior, como 120tpi, oferecerá um pedalar mais flexível, ágil e confortável do que um pneu de 60tpi.

O que é um composto de pneus para bicicletas?

Os compostos de pneus para bicicletas são a composição específica do material da banda de rodagem do pneu onde a borracha entra em contato com a estrada. Os compostos são otimizados para melhor desempenho com base em seu uso e localização pretendidos. Por exemplo, o composto da banda de rodagem central pode ser otimizado para longevidade, enquanto os compostos de borracha mais macios nas laterais são projetados para permitir que o pneu se adapte ao solo para obter a melhor tração.

O que é o durômetro de pneus para bicicletas?

O durômetro é uma medida da maciez ou da dureza da borracha. Quanto mais baixo for o número, mais macia será a borracha. Pneus com durômetro menor oferecem mais tração, mas geralmente rolam mais lentamente e se desgastam mais rapidamente. Os pneus com duromômetros mais altos são mais rígidos e geralmente duram mais tempo, mas não fornecem tanta aderência. Alguns pneus possuem compostos duplos que usam uma borracha mais macia nas laterais para tração nas curvas e uma borracha mais dura no centro para vida útil da banda de rodagem e uma maior velocidade de rolagem.

O que são os sulcos dos pneus?

Ao pedalar em condições de chuva, um pneu com sulcos nas laterais ajuda na tração. Os sulcos dos pneus permite que a água se canalize nas ranhuras incorporadas na banda de rodagem de borracha. As ranhuras ajudam a afastar a água do pneu para garantir que a borracha permaneça em contato com o asfalto para manter a aderência e a tração.

Pneus de bicicleta versus câmaras de ar

O pneu de bicicleta é o que se vê acoplado à roda enquanto a câmara de ar fica oculta dentro do pneu e é o que mantém o ar. Se você furar um pneu, é importante verificar a existência de cortes grandes que possam exigir um pneu novo, caso contrário, é muito comum ter apenas que substituir a câmara de ar. Além disso, certifique-se de procurar a causa do furo, como um prego ou um pedaço de vidro, e remova-o do pneu antes de substituir a câmara de ar. Se você não fizer isso, poderá furar o pneu mais uma vez!

E o tubeless?

Como o nome diz, os pneus tubeless são projetados para serem usados sem tubos. Quando você une um pneu tubeless com rodas de aro pronto para tubeless, selante, válvulas e fitas de aro tubeless, você não precisa mais usar câmaras. Os pneus tubeless trazem muitos benefícios – menos pneus furados e a capacidade de aplicar pressões mais baixas para uma melhor tração, para citar alguns. Além disso, eles são fáceis de configurar. Se você estiver considerando o tubeless, não deixe de escolher pneus e um conjunto de rodas de aro pronto para tubeless (TLR).

Saiba mais sobre tubeless

Top picks for city tires

Best-recommended road tires

Rider-endorsed gravel tires

Fan-favorite mountain tires

Brasil / Português
You’re looking at the Brasil / Português Trek Bicycle website. Don’t worry. We’ve all taken a wrong turn before. View your country’s Trek Bicycle website here.